CRÔNICAS PRO BOL$O | As diferenças entre PGBL x VGBL e Tributação Progressiva x Regressiva

Previdência Privada. Quais as diferenças entre PGBL e VGBL? O que vale mais a pena: Tributação Progressiva ou Regressiva? A verdade é que todo ser humano inevitavelmente tem dois riscos neste mundo: viver a mais ou viver a menos. 

Nós brasileiros somos pouco incentivados a buscar planos de previdência ainda na juventude, geralmente começamos a pensar quando passamos dos 30 anos, quando casamos ou quando nasce nosso primeiro filho.

A maioria vive com a expectativa de que o governo jamais vai deixar de pagar a previdência quando a velhice lhe alcançar. Mas com tantas mudanças e votações em andamento, corre-se o risco de trabalhar até os 70-75 anos e receber menos de R$ 6 mil por mês, mesmo contribuindo para receber o teto do INSS. Nesse contexto, desfrutar de uma velhice confortável como se imaginou durante a vida inteira, parece inviável, pois o padrão de vida teria que ser bem reduzido. 

Aí entra a questão: por que não buscar a alternativa de uma previdência privada? Esse é o melhor jeito de você garantir um futuro seguro, rentável e sem a necessidade de continuar trabalhando depois de determinada idade, porque saberá que todo o dinheiro que investiu estará lá.

Vou te explicar as particularidades de cada um dos investimentos desse segmento.

 

PREVIDÊNCIA PRIVADA

DIFERENÇAS ENTRE PGBL E VGBL 

As diferenças entre PGBL x VGBL e Tributação Progressiva x Regressiva

Combinação de PGBL com VGBL: quando compensa?

Aqueles que planejam contribuir com mais de 12% da renda bruta anual em previdência complementar aberta é recomendável a contratação de um plano PGBL combinado com um VGBL para se beneficiar dos incentivos do IR. O PGBL permite deduzir da base de cálculo do imposto até 12% da renda bruta anual, desde que utilizado o modelo completo do IR. Os recursos destinados à previdência que excederam a esse limite podem ser direcionados ao VGBL, cuja tributação do IR incide apenas no momento do resgate.

 

TRIBUTAÇÃO: PROGRESSIVA x REGRESSIVA

Depois de optar pelo plano de investimento em previdência privada e saber as diferenças entre PGBL e VGBL, é importante entender os tipos de tributação que existem: progressiva ou regressiva.

As diferenças entre PGBL x VGBL e Tributação Progressiva x Regressiva
Importante! Você pode mudar da Progressiva para a Regressiva, mas não pode mudar da Regressiva para Progressiva. 

Caso você já possua uma previdência, dá pra fazer Portabilidade de uma forma muito simples, como se fosse de uma operadora de celular. Tudo é feito online na XP Investimentos, não tem custo e não tem incidência de IR na portabilidade. Mas detalhe: não dá você mudar o plano inicial escolhido (PGBL/VGBL), mas é possível buscar isenção de tarifas e maior rentabilidade de acordo com o seu perfil. Não subestime o poder dos juros compostos!

Cuide bem do seu dinheiro sempre se informando. Proteja o seu futuro e o da sua família. Conte comigo pra isso. 

_

+ CRÔNICAS PRO BOL$O: POR QUE FAZER UM SEGURO DE PROTEÇÃO FAMILIAR? 

Na coluna Crônicas Pro Bol$o, você tem dicas quinzenais de como lidar da forma correta com os seus rendimentos. Caso tenha dúvidas sobre o tema, entre em contato comigo pelo e-mail: diego@coimbrainvestimentos.com.br

Escrito por Diego Maique Guimarães

Diego Maique Guimarães é formado em Administração, possui MBA em gestão empresarial pela FGV e atua há mais de 12 anos no mercado financeiro. Trabalhou nas maiores instituições financeiras do país e hoje é sócio da Coimbra Investimentos, escritório credenciado à XP Investimentos. Diego é especialista em investimentos e possui certificação na Ancord e registro na CVM (Comissão de Valores Mobiliários).